Eventos

22 jun

Graduação

Vivência CPDOC para alunos do Ensino Médio

Data
22/06/2022 - 24/06/2022
Horário
15h:00 até 16h:30
Local
sala a definir
Sobre o Evento

Um curso de curta duração para estimular a vivência de alunos do Ensino Médio em um curso de Ciências Sociais. As aulas serão ministradas por alunos do curso de graduação em Ciências Sociais da FGV CPDOC, junto com um professor ou professora da instituição. O objetivo é ampliar o debate sobre nossa realidade, a partir dos olhares da Sociologia, da Antropologia e da Ciência Política. Queremos mostrar aos discentes do Ensino Médio como podemos refletir a respeito do nosso cotidiano em pesquisas conduzidas por alunos da instituição de ensino superior.

A inscrição no curso “Vivência CPDOC para alunos do Ensino Médio” é exclusiva para alunos regularmente matriculados no Ensino Médio, do 1º ao 3º ano. O curso vai ocorrer nos dias 22 e 24 de junho, com aulas entre 15:00 e 16:30. Ao final, vamos emitir certificado de participação para os que cumprirem 100% da carga horária.

Venha aprende a pensar como um cientista social com os alunos da FGV CPDOC. 

Inscreva-se enviando e-mail para graduacaocpdoc@fgv.br contendo:

  • a) nome completo do participante;
  • b) cópia do comprovante de matrícula no Ensino Médio;
  • c) informar se a candidatura é para participar de forma presencial ou remota. Teremos vagas limitadas para ambas as opções.
Programação

Cronograma de atividade:

  • Aula 1 – 22/06/22: Corpo é movimento: individual e coletivo com Maju Atty.

  • Aula 2 – 22/06/22: Olhar(es) para o outro: reflexões a partir da Antropologia e da História Oral com Renê Bastos.

  • Aula 3 – 24/06/22: Nunca é só sobre comida: perspectivas através de fontes históricas e do Acervo do CPDOC com Luíza Bezerra. 

  • Aula 4 – 24/06/22: Luz, câmera, caderno e caneta: fez-se cinema e pesquisa! Com Aron Giovanni.

 

 

Minibio dos participantes:

 

Maria Julia Atty, Maju, é bailarina há quase 18 anos, participou de festivais importantes e atualmente é bailarina da Cia Vivá, especializada em dança contemporânea, além de professora de dança infantil e jazz. Aliada a isso é graduanda em Ciências Sociais na Fundação Getulio Vargas. Publicou os artigos, em conjunto com o também aluno, Renê Bastos, “O Estado Laico tem medo” na CEPRIR e “Racismo Cordial”, na GV cult- criatividade e cultura. Participou como roteirista nos episódios "Interseccionalidades Interpretativas: gênero, raça e a história do Brasil" do podcast GV cult cast e "Eduardo Coutinho: uma ilusão biográfica" no podcast Casa das Humanidades. Produziu, conjuntamente, curtas direcionados à sociologia e antropologia aliando as duas áreas, às quais se dedica- ciências sociais e a dança/a arte. Participou de eventos institucionais direcionados à conexão do curso de Ciências Sociais com o Ensino Médio, como a aula simulada do curso de Ciências Sociais oferecida pelo Professor Marcio Grijó e o evento "Experiência FGV". E, atualmente, é estagiária do núcleo de Difusão Patrimonial e bolsista PIVIC no programa de arquivos pessoais do CPDOC.
 

Renê Bastos Ventura é graduando do 7º período de Ciências Sociais pela Fundação Getulio Vargas (CPDOC/FGV), estagiário do Programa de História Oral e do Núcleo de Audiovisual e Documentário (PHO NAD) da mesma instituição, integrante do Coletivo Ovelha Negra e foi monitor de Antropologia 1 e 2. Seus interesses de pesquisas são voltados para as questões de gênero, sexualidade, relações étnico-raciais e tecnologia.
 

Luíza Bezerra Botelho é graduanda no 7º período de Ciências Sociais e tem interesse em estudos da alimentação, com foco na cultura e no consumo. A proposta desta aula é explorar a diversidade cultural através da alimentação e trabalhar com fontes históricas. Sendo uma excelente oportunidade pra quem deseja conhecer as possibilidades do acervo do CPDOC através de um tema um pouco menos conteudístico.
 

Aron Oliveira é bacharelando em Ciências Sociais na FGV CPDOC. É montador e roteirista. Em 2019 fez roteiro, direção e montagem do filme documentário "Magia e Poder: fronteiras entre o sagrado e o profano." e montagem e assistência dos documentários: "Do Cais da Imperatriz ao Valongo" e "Anna Amélia: feminismo em tempos de Zeppelin". Atua como montador e editor há três anos, atualmente trabalha como estagiário voluntário na Osmose Filmes com o cineasta Emílio Domingos e como montador na produtora Debouchée. Em 2021 montou e dirigiu o documentário "Nó's" produzido durante a pandemia da CoVID-19, coletivamente por dez alunes, no âmbito da disciplina de Antropologia Visual ministrada pela professora Thais Blank. Pesquisa gênero, raça, masculinidade trans e cinema na Antropologia.

Local

Fundação Getulio Vargas

Praia de Botafogo, 190, Botafogo, Rio de Janeiro