A- A+

O Governo de Juscelino Kubitschek
<<  Mies van der Rohe

Arquiteto nascido em 1887, Ludwig Mies van der Rohe é considerado, juntamente com Walter Gropius e Le Corbusier, um dos mestres mundiais da arquitetura moderna. Desde o início da carreira, influenciado pelos estudos do holandês De Stijl, desenvolveu uma concepção arquitetônica de linhas puras. Com Gropius criou em 1919 a escola denominada Bauhaus, em Weimar, Alemanha, com o objetivo de formar, pelo trabalho de equipe, artesãos, escultores, pintores e arquitetos para as tarefas de desenhar e criar novos produtos industriais. Em 1930, Mies van Der Rohe assume a direção da escola, nessa época instalada em Berlim, após uma passagem por Dessau, permanecendo no cargo até 1933, quando a escola foi fechada pelos nazistas.

Deixou a Alemanha nazista em 1937 e partiu para os Estados Unidos, radicando-se em Chicago. Tornou-se, no ano seguinte, diretor do Instituto de Tecnologia de Illinois e acabou criando as bases da moderna cidade de Chicago, construída em aço e vidro, quando projetou, no International Style, o prédio do Federal Building, que abriga o correio e é ornamentado pela escultura "Flamingo" (1974), de Alexander Calder. Criou também prédios para o Instituto de Tecnologia de Illinois.

O rigor das proporções, a valorização da infra-estrutura como elemento estético, e a precisão do detalhe foram os três princípios que nortearam a sua criação. O estilo ascético de Van Der Rohe era reafirmado pela expressão que costumava utilizar como justificativa do funcionalismo de seus projetos: less is more , ou "menos é mais".

Entre suas inúmeras obras citam-se um edifício comercial na Friedrichstrasse, em Berlim (1921), o pavilhão alemão da Exposição Internacional de Barcelona (1929), a casa Tugendhat, na atual República Tcheca (1930), o projeto de campus do Instituto Illinois de Tecnologia (1939-1941) e o Seagram Building, na Park Avenue de Nova York (1958), em colaboração com Philip Johnson. O edifício-sede do Columbia Broadcasting System, em Nova York, foi sua última realização, concluída pouco antes de sua morte em Chicago, em 1969.

   

 

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
RIO: Praia de Botafogo, 190, 14º andar, Rio de Janeiro - RJ - 22250-145 • Tels. (21) 3799.5676
SÃO PAULO: Avenida Paulista, 1471, 1º andar, Bela Vista - São Paulo - 01311-200 • Tel: (11) 3799 -3755
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2020. Todos os direitos reservados • Usando: Drupal! • Use versões recentes do IE, Firefox, Chrome, Opera
Lista de URLs do CPDOC Busca: http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/page-sitemap

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede