A- A+

E ele voltou... o Brasil no segundo governo Vargas

<<  Wilson Leite Passos

Wilson Leite Passos nasceu no Rio de Janeiro, no dia 19 de fevereiro de 1926, filho de Jaime Pedreira Passos e de Lealdina Ferrão Muniz Leite Passos.

Formado em administração e em relações públicas, em 1944 iniciou sua carreira jornalística, colaborando com o Correio da Manhã e A Notícia. No ano seguinte engajou-se na campanha presidencial do brigadeiro Eduardo Gomes. Ainda em 1945, foi um dos fundadores da União Democrática Nacional (UDN). Ativo participante da campanha em prol do monopólio estatal do petróleo em 1947 e 1948, de 1949 a 1950 organizou e presidiu o Movimento Nacional Popular Pró-Eduardo Gomes, que promoveu a segunda candidatura presidencial do brigadeiro.

Contando com o apoio de lideranças da UDN, Wilson Leite Passos foi o autor, em 1954, do pedido de impeachment do presidente Getúlio Vargas. Em outubro elegeu-se, pela legenda da UDN, vereador no Rio de Janeiro. Reeleito em outubro de 1958, exerceu o mandato até 1962, quando a Câmara Municipal foi dissolvida em virtude da criação do estado da Guanabara, decorrente da mudança da capital federal para Brasília. Partidário do golpe militar de 31 de março de 1964, que derrubou o presidente João Goulart, com a extinção dos partidos políticos pelo Ato Institucional nº 2 (27/10/1965) e a posterior instauração do bipartidarismo, filiou-se à Aliança Renovadora Nacional (Arena), partido de sustentação do regime militar. Com o fim do bipartidarismo (29/11/1979) e a conseqüente reformulação partidária, filiou-se ao Partido Democrático Social (PDS), sucessor da Arena, pelo qual se elegeu vereador à Câmara Municipal carioca em 1982, 1988 e 1992.

Em abril de 1993 ingressou no Partido Progressista Reformador (PPR), resultado da fusão do PDS com o Partido Democrata Cristão. Em outubro de 1994, candidatou-se a deputado federal, sendo, no entanto, derrotado. Devido às suspeitas de fraude o Tribunal Regional Eleitoral anulou o pleito e determinou nova eleição, em novembro. Passos obteve, então, a primeira suplência. Filiado ao Partido Progressista Brasileiro (PPB), fusão do PPR com o Partido Progressista (PP), assumiu o mandato na Câmara dos Deputados em junho de 1996, exercendo-o até dezembro. Em outubro de 1996 voltou a eleger-se vereador, iniciando novo mandato em janeiro de 1997.

[Fonte: Dicionário Histórico Biográfico Brasileiro pós 1930. 2ª ed. Rio de Janeiro: Ed. FGV, 2001]

  Twitter Facebook Youtube Flickr Eclass      Mais   

   

 

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
RIO: Praia de Botafogo, 190, 14º andar, Rio de Janeiro - RJ - 22250-145 • Tels. (21) 3799.5676
SÃO PAULO: Avenida Paulista, 1471, 1º andar, Bela Vista - São Paulo - 01311-200 • Tel: (11) 3799 -3755
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2017. Todos os direitos reservados • Usando: Drupal! • Use versões recentes do IE, Firefox, Chrome, Opera
Lista de URLs do CPDOC Busca: http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/page-sitemap

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede

randomness