MESTRADO PROFISSIONAL
Perfil do Egresso

O Mestrado Profissional em Bens Culturais e Projetos Sociais já titulou mais de duzentos mestres desde sua criação. Muitos profissionais que atuam em instituições culturais, tais como Biblioteca Nacional, Fundação Casa de Rui Barbosa, Museu Histórico Nacional, Academia Brasileira de Letras, Jardim Botânico, e os institutos de patrimônio histórico, em nível nacional e estadual, integraram ou integram o corpo discente. Profissionais de instituições públicas que atuam na área de financiamento à cultura, como Petrobras e BNDES, também se titularam no PPHPBC, bem como profissionais do Terceiro Setor e servidores públicos de várias secretarias de governo, em nível estadual e municipal. Arquivistas, bibliotecários e museólogos que atuam em instituições de ensino e pesquisa ou em órgãos públicos também recorrem ao Mestrado Profissional em Bens Culturais e Projetos Sociais em busca de interlocução para o desenvolvimento de projetos em seus ambientes de trabalho. Merecem registro especial os profissionais oriundos da área de Comunicação que procuram o curso para qualificarem sua atuação à frente de projetos de natureza cultural ou social, seja em secretarias e outros órgãos de governo, seja em empresas privadas.

A inserção dos alunos do Mestrado Profissional em um Programa de Pós-Graduação reconhecido na área de História, com forte tradição interdisciplinar e conexões internacionais, agrega valor à sua formação. Os alunos têm a oportunidade de entrar em contato com temas, debates e formas de articulação que, talvez, não visualizassem antes de ingressarem no mestrado. Nesse sentido, merece registro o fato de egressos do Mestrado Profissional terem sido aprovados para o doutorado em instituições que gozam de prestígio acadêmico, como o Museu Nacional, o Programa de Pós-Graduação em História da UFMG e o Programa de Pós-Graduação em Educação da PUC-Rio.

O FGV Opinião já realizou duas pesquisas, em 2015 e 2018, visando conhecer as “Percepções dos egressos do Mestrado Profissional em Bens Culturais e Projetos Sociais do CPDOC (2015)”. Os resultados, podem ser acessados aqui.

 

NOTÍCIAS DA PÓS

Um balanço dos discursos e das promessas lançados pela prefeitura do Rio de Janeiro em 2009, o ano que deu o pontapé no projeto “Porto Maravilha” na antiga região portuária do Rio, com Dr Clemens Van Loyen (LMU Munich). Dia 3 de outubro de 2019, às 18h30, sala 406.

Palestra com a professora Andréa Casanova Maia (UFRJ) no âmbito do Laboratório de Estudos do Esporte (LESP). Dia 3 de outubro de 2019, às 16h, auditório 406. Inscreva-se gratuitamente.

Inscrições abertas para o Curso BitCurator, que acontece entre os dias 29 e 30 de setembro e 1 de outubro de 2019. Uma parceria IMS e FGV CPDOC. 

O Laboratório de Estudos da Cultura Visual (LECV) do CPDOC convida para a palestra com o antropólogo e cineasta Émilio Domingos. Dia 30 de setembro de 2019, às 10h30, sala 418. Entrada gratuita. Inscreva-se.

Com a professora Karina Echavarria (University of Brighton), sobre como comunidades locais podem se conectar significativamente ao patrimônio cultural local por meio de experiências criativas e digitais. Dia 23 de setembro de 2019, às 16h, auditório 317. Inscreva-se gratuitamente.

   

 

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
RIO: Praia de Botafogo, 190, 14º andar, Rio de Janeiro - RJ - 22250-145 • Tels. (21) 3799.5676
SÃO PAULO: Avenida Paulista, 1471, 1º andar, Bela Vista - São Paulo - 01311-200 • Tel: (11) 3799 -3755
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2020. Todos os direitos reservados • Usando: Drupal! • Use versões recentes do IE, Firefox, Chrome, Opera
Lista de URLs do CPDOC Busca: http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/page-sitemap

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede