MESTRADO PROFISSIONAL
Área de concentração e linhas de pesquisa

O Mestrado Profissional tem uma única área de concentração e duas linhas de pesquisa.

Área de Concentração: História, Política e Bens Culturais
A área de concentração indica os campos de investimento intelectual no qual se concentra, historicamente, a atuação do CPDOC, abarcando os grandes eixos temáticos contemplados pelo Mestrado Profissional: a política e a cultura, sempre tomando como referenciais a história e a realidade brasileiras. Assim, tanto do ponto de vista dos bens culturais como dos projetos sociais, a dimensão política e histórica estão presentes tanto nos referenciais teóricos como nas perspectivas analítica que fundamentam os projetos desenvolvidos no âmbito do curso.

Em 2019, o Colegiado do PPHPBC reformulou as linhas do Programa, de modo a torná-las mais coerentes e consistentes com o corpo docente.

Linhas de Pesquisa:

  • I. BENS CULTURAIS: Os processos de produção e reflexão sobre bens culturais caracteriza a história do CPDOC, desde sua origem. Reúnem-se nessa linha de pesquisa os itinerários investigativos que abordam os conceitos de patrimônio, cultura (material e imaterial), tradição e representação, pensados a partir de diferentes suportes e linguagens. As temáticas vão do pensamento social brasileiro ao futebol, dos museus ao cinema e à televisão, das festas populares às comemorações cívicas, por exemplo. A partir de uma perspectiva mais pragmática, os estudos nessa linha de pesquisa dedicam-se a analisar e fomentar a constituição de espaços de arquivamento, a organização de projetos de “recuperação” de trajetórias, pessoais ou institucionais, e a institucionalização de bens e tradições culturais. Projetos de difusão e democratização da cultura e iniciativas de educação patrimonial também são abordados de maneira recorrente em trabalhos desenvolvidos sob esse eixo temático. Ressalta-se que parte importante das pesquisas desenvolvidas nesta linha se funda na tradição do CPDOC no desenvolvimento de metodologias para o tratamento de arquivos e a constituição de acervos de história oral, sempre aliadas à reflexão crítica sobre os processos sociais de produção e circulação das fontes históricas.
  • II. PROJETOS SOCIAIS E INSTITUIÇÕES: As pesquisas sobre instituições constituem um aspecto central da identidade do CPDOC e marcam a produção de um número expressivo de docentes vinculados ao Programa. Elas tomam como objeto de análise ações, práticas e percepções de grupos sociais e de instituições, fundamentalmente, mas também de indivíduos. Os estudos nessa linha contribuem para uma melhor compreensão dos processos de construção institucional e de tomada de decisão na estrutura do poder público; exploram o papel de lideranças sociais, bem como suas múltiplas e complexas interfaces com as instituições políticas mais amplas e discutem as políticas públicas e seus reflexos na construção da cidadania. O CPDOC intensificou sua atuação em uma dimensão específica dos estudos sobre instituições, que é a dos projetos sociais. Assim, adensaram-se as pesquisas centradas na concepção, monitoramento e avaliação das ações de cunho social desenvolvidas por órgãos públicos, organizações da sociedade civil e empresas. Em consequência, o CPDOC, por meio do seu programa de Mestrado Profissional, tem contribuído para a formação de profissionais com tal expertise, sejam eles oriundos dos setores de responsabilidade social de empresas públicas e privadas ou de ONGs com tradição na pesquisa e gestão de políticas de combate à desigualdade social e à pobreza.

 

NOSSAS REDES  
Instagram Twitter Facebook Youtube Flickr Moodle        

 

 

NOTÍCIAS DA PÓS

A Revista Estudos Históricos foi eleita o melhor periódico acadêmico, no Brasil, da área de História e quarto melhor do mundo. Convidamos os interessados para que enviem seus trabalhos para o próximo Dossiê "Humanidades Digitais". O Prazo de submissão é até o dia 1 de agosto de 2019.

A Escola de Ciências Sociais (FGV CPDOC) convida para palestra, em inglês, com a historiadora Sarah Kovner (Columbia University) sobre como as concepções de gênero e sexualidade no Japão são diferentes ou iguais às do resto do mundo e como elas mudaram ao longo do século 20. Dia 4 de julho de 2019, às 10h na sala 1013. Inscrições gratuitas.

O Laboratório de Humanidades Digitais (LHuD) da Escola de Ciências Sociais recebe o historiador Matthew Connelly (Columbia University) para falar sobre o impacto dos novos métodos experimentais da Inteligência Artificial no campo da História e das Ciências Sociais. Dia 3 de julho de 2019, às 14h na sala 1013. Evento gratuito, inscreva-se já.

O evento tem a finalidade de promover discussão sobre trajetórias profissionais e a situação ocupacional dos egressos dos cursos de Ciências Sociais. Inscrições gratuitas. Sempre às 11h, na sala 306.

O terceiro encontro ocorre dia 11 de junho de 2019.

Lançamos seis editais de seleção para bolsas no âmbito do programa de internacionalização CAPES-PrInt. Tema do projeto de pesquisa: Ciência de Dados nas Ciências Sociais.

Clique aqui para acessar os editais e o resultado do processo seletivo.

   

 

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
RIO: Praia de Botafogo, 190, 14º andar, Rio de Janeiro - RJ - 22250-145 • Tels. (21) 3799.5676
SÃO PAULO: Avenida Paulista, 1471, 1º andar, Bela Vista - São Paulo - 01311-200 • Tel: (11) 3799 -3755
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2017. Todos os direitos reservados • Usando: Drupal! • Use versões recentes do IE, Firefox, Chrome, Opera
Lista de URLs do CPDOC Busca: http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/page-sitemap

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede