MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO
Área de concentração e linhas de pesquisa

O Programa tem uma única área de concentração e quatro linhas de pesquisa. A área de concentração, História, Política e Bens Culturais, condensa o investimento intelectual no qual se concentram as atividades acadêmicas do Programa, abarcando os grandes campos de estudo contemplados pelas pesquisas desenvolvidas por docentes e discentes: a história, a política e a cultura.

Linhas de Pesquisa:

  • I. Instituições e política: As pesquisas sobre instituições e política estão na raiz da identidade do CPDOC e marcam a produção de um número expressivo de docentes vinculados ao Programa. Elas tomam como objeto de análise ações, práticas e percepções de grupos sociais e de instituições, fundamentalmente, mas também de indivíduos. Os estudos nessa linha contribuem para uma melhor compreensão dos processos de construção institucional e de tomada de decisão na estrutura do poder público; exploram o papel de lideranças políticas e sociais, bem como suas múltiplas e complexas interfaces com as instituições políticas mais amplas; discutem as políticas públicas e seus reflexos sociais na construção da cidadania, e também conferem solidez acadêmica aos estudos de biografias e trajetórias pessoais. As atividades dessa linha são articuladas aos eventos do Laboratório de Estudos Políticos, do Laboratório de Estudos sobre Instituições e do Laboratório de Estudos sobre Militares.

  • II. Memória e cultura: a história da memória e o lugar central que ela ocupa em processos de constituição de identidades sociais são dimensões centrais ao trabalho desenvolvido por grande número de docentes do Programa. Reúnem-se nessa linha de pesquisa os itinerários investigativos que abordam os conceitos de patrimônio, cultura (material e imaterial), tradição e representação, pensados a partir de diferentes suportes e linguagens. As temáticas vão do pensamento social brasileiro ao futebol, dos museus ao cinema e à televisão, das festas populares às comemorações cívicas, por exemplo. Vale lembrar que parte importante das pesquisas desenvolvidas nesta linha se funda na tradição do CPDOC de desenvolver metodologias para o tratamento de arquivos e a constituição de acervos de história oral, sempre aliadas à reflexão crítica sobre os processos sociais de produção e circulação das fontes históricas. As atividades dessa linha são articuladas aos eventos do Laboratório de Acervos, Memória e Informação, do Laboratório de Pensamento Social, do Laboratório de Estudos Audiovisuais, do Laboratório de Estudos do Esporte e do Laboratório de Estudos do Turismo.

  • III. Cidade e trabalho: esta linha está dividida em dois segmentos, que, com frequência, se interconectam. De um lado, estão projetos que tomam como objeto a cidade e o urbano a partir de uma perspectiva interdisciplinar, a qual privilegia o estudo de dinâmicas e processos que ocorrem no espaço urbano e moldam as experiências vividas pelos diferentes agentes que povoam, (re)produzem e dão sentidos às cidades. Os modos de vida e as espacialidades vigentes na cidade, ontem e hoje, são objeto de investimento, também centrado em suas interfaces com a arquitetura e o urbanismo, o turismo e a comunicação. As relações entre industrialização e urbanização, os efeitos da reestruturação produtiva sobre os territórios e as sociabilidades urbanas fazem convergir os dois segmentos que constituem a linha de pesquisa. As temáticas relacionadas ao estudo dos mundos do trabalho não se resumem, porém, às experiências urbanas, abarcando também os trabalhadores rurais, os processos de migração, as múltiplas dimensões culturais e construções identitárias dos trabalhadores e trabalhadoras, bem como as formas de organização dos setores populares, as relações entre capital e trabalho e as interações entre os trabalhadores e as diversas esferas de poder político. Merecem menção ainda as abordagens comparativas e transnacionais que procuram construir uma história global do trabalho. As atividades dessa linha são articuladas aos eventos do Laboratório de Estudos Urbanos e do Laboratório de Estudos do Mundo do Trabalho e Movimentos Sociais.

  • IV. Relações internacionais: esta linha de pesquisa compreende uma série de atividades de investigação e análise sobre as transformações da ordem internacional, das políticas externas dos Estados nacionais, bem como da atuação internacional de atores não-estatais. As atividades de pesquisa incluem não somente aquelas que se situam exclusivamente na área de Relações Internacionais, mas também estudos que lançam mão de arcabouços conceituais de outras áreas de conhecimento – como a história, a sociologia, a economia e o direito - com o objetivo de entender fenômenos de história e política internacional. Temas trabalhados nessa linha de pesquisa incluem: transformações globais e potências emergentes, processos de integração regional, políticas externas comparadas, segurança internacional, e história global. As atividades dessa linha são articuladas aos eventos do Centro de Relações Internacionais.

 

  Twitter Facebook Youtube Flickr Eclass      Mais   

NOTÍCIAS DA PÓS

Iniciado a partir de depoimentos para projeto de História Oral do FGV CPDOC, o livro mostra a trajetória do diplomata e ex-embaixador Rubens Barbosa em suas missões representando o Brasil pelo mundo, incluindo o comando das embaixadas do país em Londres e Washington.

Saiba mais aqui.

A Escola de Ciências Sociais da FGV foi avaliada pelo Guia do Estudante e, novamente, nosso curso de graduação recebeu a pontuação máxima de cinco estrelas. 

Para conhecer mais do nosso curso clique aqui.

Temas e prazos:

Nº 66: Escravidão e Liberdade nas Américas

  • Lançamento em 01/04/2019

Nº 67: História das Ciências Humanas e Sociais

  • Prazo de submissão entre 01/01/2019 a 01/03/2019
  • Lançamento em 01/08/2019

v. 31, n. 65 (2018): Associativismo e movimentos sociais. Revista Estudos Históricos acaba de publicar seu último número. Convidamos você a navegar no sumário da revista para acessar os artigos e itens de interesse.

É com grande tristeza que manifestamos, em nome dos colegas do CPDOC, solidariedade em meio à tragédia do incêndio que destruiu não apenas uma parte fundamental da história nacional, como também atingiu a alma de todos os que têm suas vidas associadas à instituição.

   

 

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
RIO: Praia de Botafogo, 190, 14º andar, Rio de Janeiro - RJ - 22250-145 • Tels. (21) 3799.5676
SÃO PAULO: Avenida Paulista, 1471, 1º andar, Bela Vista - São Paulo - 01311-200 • Tel: (11) 3799 -3755
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2017. Todos os direitos reservados • Usando: Drupal! • Use versões recentes do IE, Firefox, Chrome, Opera
Lista de URLs do CPDOC Busca: http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/page-sitemap

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede

randomness