A- A+

Acontece no CPDOC

      << VOLTAR

  

PROGRAMA DE HISTÓRIA ORAL DO CPDOC NO GLOBO UNIVERSIDADE

Programa exibido no dia 2 de outubro de 2010

 O Globo Universidade, deste sábado, 2 de outubro, aborda a história oral, um método de pesquisa cujo ponto de partida é a gravação em áudio ou vídeo das experiências e memórias de pessoas comuns ou de personalidades, cujos relatos são testemunhos importantes para a compreensão de acontecimentos passados. A repórter Lizandra Trindade acompanha o trabalho do Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil da Fundação Getúlio Vargas (CPDOC/FGV), do Rio de Janeiro.

Criado em 1975, o Programa de História Oral do CPDOC/FGV possui mais de cinco mil horas de entrevistas gravadas e é fonte de informações para historiadores e pesquisadores do Brasil e do exterior. O acervo, todo digitalizado, segue padrões internacionais de qualidade de gravação e de preservação. Além do conjunto de depoimentos, o projeto também desenvolve pesquisas e promove cursos de graduação e pós-graduação.

A professora Verena Alberti, da disciplina Metodologia de História Oral (FGV), estuda a trajetória do Movimento Negro no Brasil. Seu recorte começa na década de 1970 e chega aos tempos atuais. Através do relato dos principais articulistas, ela colheu informações importantes para entender os aspectos políticos, sociais e a própria estrutura do racismo em nosso país. “A história oral”, explica, “permite uma relação muito próxima com o objeto estudado, visto que as pequenas narrativas pessoais ajudam a compreender melhor o passado.”

Este método de pesquisa, no entanto, é complexo e exige rigor científico e dedicação. Os pesquisadores estudam o assunto, selecionam os entrevistados e avaliam suas vidas e os fatos a elas relacionados. “Fazer história oral não é pegar um gravador e sair pedindo às pessoas que contem casos. O foco não é construir um espelho da realidade. Na verdade, as narrativas necessitam de interpretação. As memórias falham, por isso, não se deve ser inocente em relação à fonte ou à metodologia”, avisa a professora Verena.

No quadro Fora de Série, o programa entrevista Luana Oliveira, mestranda em História da Universidade Federal Fluminense (UFF). Ela pesquisa os grupos de jongos, calangos e folias do Rio de Janeiro. No Toque de Mestre, a professora Marina Cavalcanti, da disciplina Bens Culturais (FGV), explica as características de um bom historiador. No Mérito Acadêmico, vamos conhecer a professora Regina Abreu, do Programa de Pós-Graduação e Memória Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio). Ela estuda os museus comunitários. No Eu Amo Meu Trabalho, a presidente do Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro, Rosa Maria Araújo, explica porque escolheu a carreira de historiadora.

O Globo Universidade leva ao ar reportagens sobre ensino, pesquisa e projetos científicos realizados no meio acadêmico brasileiro. O programa é exibido aos sábados, às 7h, na Rede Globo; às 13h30, no Canal Futura; e às 15h30, na Globo News. No Futura, é possível assisti-lo mais duas vezes: nas quartas-feiras às 15h10 e nas quintas-feiras, às 3h. As edições também estão disponíveis na íntegra no site

http://globouniversidade.globo.com/

 

 

  Twitter Facebook Youtube Flickr Eclass      Mais   

CALENDÁRIO DE EVENTOS

«  
  »
D S T Q Q S S
 
 
 
1
 
2
 
3
 
4
 
5
 
6
 
7
 
8
 
9
 
10
 
11
 
12
 
13
 
14
 
15
 
16
 
17
 
18
 
19
 
20
 
21
 
22
 
23
 
24
 
25
 
26
 
27
 
28
 
29
 
30
 
31
 
 

NOTÍCIAS E EVENTOS

A revista discente do Programa de Pós Graduação em História, Política e Bens Culturais do CPDOC convida os interessados para que enviem seus trabalhos para o dossiê '130 anos de abolição no Brasil: Permanências e transformações'. O prazo para submissão é 21 de agosto de 2018.

Sessão do Cineclube FGV com exibição do filme "Divinas Divas", dirigido por Leandra Leal, seguida de debate com as realizadoras. Dia 30 de agosto de 2018, às 18h. Auditório 415 da Fundação Getulio Vargas - Praia de Botafogo, 190. Entrada gratuita.

Alunos de graduação e pós-graduação estão convidados a submeterem propostas de realização de documentários com a temática "Mulheres na História". Os selecionados participarão de oficinas e terão a oportunidade de colocar em prática o conhecimento adquirido. Submissão de propostas até 31 de agosto de 2018. Clique para saber mais.

Será realizada na Cidade do Cabo, África do Sul, de 8 a 11 de janeiro de 2019. A IDPPA é uma aliança global entre 9 instituições do Brasil, China, Rússia, Índia, África do Sul, Turquia, Egito, Malásia e Tailândia, que tem o propósito de conectar estudiosos e profissionais das principais economias emergentes para colaborar nas áreas de pesquisa, ensino e ação política. Submissões de trabalho até 15 de setembro de 2018.

Temas e prazos:

Nº 66: Escravidão e Liberdade nas Américas

  • Prazo de submissão entre 01/09/2018 a 01/11/2018
  • Lançamento em 01/04/2019

Nº 67: História das Ciências Humanas e Sociais

  • Prazo de submissão entre 01/01/2019 a 01/03/2019
  • Lançamento em 01/08/2019

Evento promovido pela Rede Internacional de Análise do Corporativismo e da Organização de Interesses (NETCOR), entre os dias 22 e 24 de outubro de 2018. 

   

 

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
RIO: Praia de Botafogo, 190, 14º andar, Rio de Janeiro - RJ - 22250-145 • Tels. (21) 3799.5676
SÃO PAULO: Avenida Paulista, 1471, 1º andar, Bela Vista - São Paulo - 01311-200 • Tel: (11) 3799 -3755
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2017. Todos os direitos reservados • Usando: Drupal! • Use versões recentes do IE, Firefox, Chrome, Opera
Lista de URLs do CPDOC Busca: http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/page-sitemap

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede