Memória do Cinema Documentário Brasileiro: histórias de vida: Edições temáticas

Projetos de entrevistas

Memória do Cinema Documentário Brasileiro: histórias de vida

O projeto tem como objetivo produzir uma série de depoimentos que, ao contar a vida e refazer as trajetórias de diretores importantes para o estabelecimento da cena cinematográfica no país, ajudem a revelar também a própria história do cinema nacional.

FILTRAR
  • Memória do documentário brasileiro: cineclubismo

    O documentário articula os depoimentos recolhidos dentro de uma perspectiva de história de vida tendo como eixo temático comum: o cineclubismo. Foram selecionados trechos de narrativas que revelam a formação cinéfila dos entrevistados, assim como suas inserções no cinema brasileiro.

  • Memória do documentário brasileiro: a mulher no cinema

    O documentário articula os depoimentos recolhidos dentro de uma perspectiva de história de vida tendo como eixo temático comum: a mulher no cinema. Foram selecionados trechos de narrativas que revelam a inserção e a atuação de mulheres cineastas dentro do cinema brasileiro. As sequencias são editadas com imagens do acervo do CPDOC e trechos das obras das próprias entrevistadas.

  • Um Modesto Projeto de Mudar o Mundo

    O filme tem 29 minutos de duração e aborda o tema central da pesquisa – documentaristas que de alguma forma ligaram-se ao Cinema Novo. Além dos depoimentos, contém inúmeras fotografias, grande parte inédita, recolhidas pelos pesquisadores no acervo pessoal dos entrevistados, na Cinemateca Brasileira e na Cinemateca do MAM.

  • Memória do documentário brasileiro: ditadura militar

    O documentário articula os depoimentos recolhidos dentro de uma perspectiva de história de vida em torno de um eixo temático comum: o período da ditadura militar no Brasil. Em meio às trinta horas de entrevistas concedidas aos pesquisadores foram selecionadas as narrativas que abarcam o golpe militar e suas consequências para os personagens, em particular, e para o cinema brasileiro, em âmbito mais geral. Surgem lembranças de lutas políticas, de filmes interrompidos, da vida em clandestinidade e a afirmação da crença no cinema como elemento transformador da realidade social. As falas são montadas com imagens do acervo do CPDOC e trechos das obras dos próprios entrevistados.