Yvonne Maggie

Todas as entrevistas  

Yvonne Maggie nasceu em 1944, na cidade do Rio de Janeiro. Obteve sua graduação em Ciências Sociais na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em 1968, tendo concluído seu mestrado em Antropologia Social no Museu Nacional da mesma instituição no ano de 1974. Obteve seu título de doutora em Antropologia Social em 1988, igualmente pelo Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Atualmente é professora titular do Departamento de Antropologia Cultural do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da UFRJ.

Para demais informações e publicações da autora, seu currículo lattes.

  • Minutagem

    • 00:00:33 Origens familiares.
    • 00:26:54 As visitas a favelas com a mãe, na infância.
    • 00:33:32 O curso de Ciências Sociais na Faculdade Nacional de Filosofia (FNFi), de 1965 a 1968.
    • 00:39:30 Os professores marcantes.
    • 00:47:21 Anos de ditadura militar.
    • 00:50:12 A relação com o Partido Comunista do Brasil (PCdoB).
    • 00:52:01 Rompimento dos laços familiares.
    • 00:56:29 Envolvimento com o Cinema Novo.
    • 01:02:01 O curso de Antropologia no Museu Nacional iniciado em 1969.
    • 01:19:13 Guerra de Orixá (primeira parte).
    • 01:23:20 As pesquisas sobre umbanda e religiões afro-brasileiras.
    • 01:24:41 Experiência de etnografia.
    • 01:31:40 O livro transformado em filme.
    • 01:33:51 A relação com as personagens do livro.
    • 01:44:34 Relacionamentos acadêmicos.
    • 01:46:40 Os estudantes de mestrado de antropologia do Museu Nacional.
    • 01:55:33 A realização de seminários sobre filmes documentários na Cinemateca do Museu de Arte Moderna.
    • 02:00:53 Referenciais teóricos.
    • 02:06:11 A influência do pai na opção pelas ciências humanas.
    • 02:08:23 A entrada para a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).
    • 02:09:57 Relação com a Zahar Editores.
    • 02:20:36 A experiência social de morar em um conjugado em Copacabana.
    • 02:28:22 Realização profissional.
    © Todos os direitos reservados à FGV.
  • Minutagem

    • 00:00:33 Aproximação da Fundação Ford através de Peter Fry.
    • 00:02:54 Criação de um laboratório de pesquisas no Instituto de Filosofia e Ciências Sociais (IFCS).
    • 00:05:24 Desenvolvimento de um projeto de intercâmbio acadêmico nas Ciências Sociais entre Brasil e Moçambique.
    • 00:15:17 As trajetórias dos alunos moçambicanos no Brasil.
    • 00:29:27 Congresso Luso-Afro no Brasil
    • 00:37:04 Trajetória docente.
    • 00:48:04 Instituto de Filosofia e Ciências Sociais.
    • 00:58:34 Gestão administrativa no IFCS.
    • 01:05:59 Direção da Editora UFRJ.
    • 01:12:03 A questão das cotas raciais.
    • 01:22:24 O racismo no Brasil.
    • 01:31:36 A educação como elemento-chave para a desigualdade social no Brasil.
    • 01:33:43 Educação, religião e racismo no Brasil.
    • 01:43:03 Identidade e religião.
    © Todos os direitos reservados à FGV.
Galeria de Imagens

 

 

Aviso importante:
Transcrições de entrevistas estão sempre sujeitas a erros. Elas são aqui disponibilizadas apenas com o intuito de facilitar a pesquisa, não devendo substituir a consulta ao documento audiovisual. Caso você perceba algum erro, por favor avise-nos através do Fale Conosco ou da ferramenta Colabore, disponível no sistema de acervo do CPDOC (é preciso estar registrado para utilizar esta ferramenta).