Ordep Serra

  • Minutagem

    • 00:00:33 Origens familiares;
    • 00:02:51 A formação escolar no Colégio Antônio Vieira;
    • 00:03:43 A mudança para Brasília e os estudos na Universidade de Brasília (UnB);
    • 00:05:01 Reflexões sobre os impactos do golpe de 1964 na UnB; a detenção pelos militares e as convicções políticas do entrevistado; as experiências vividas em Brasília na UnB;
    • 00:15:48 As experiências com povos indígenas no Xingu em finais da década de 1960;
    • 00:19:22 O retorno a Brasília e o mestrado em Antropologia Social no Programa de Pós-Graduação da UnB; a pesquisa sobre os Erês no Candomblé;
    • 00:23:24 A pesquisa de campo no Terreiro Tanuri Junsara; a opção por não ser iniciado no Candomblé;
    • 00:27:32 A orientação do mestrado por Roque de Barros Laraia; o prosseguimento das aulas de grego durante o mestrado;
    • 00:31:20 A pesquisa de Antropologia com Martín Ibañez-Novión;
    • 00:36:16 O casamento com sua companheira e o retorno à Bahia;
    • 00:39:02 O trabalho na Secretaria de Planejamento da Prefeitura Municipal de Salvador;
    • 00:41:05 O tombamento do Terreiro da Casa Branca do Engenho Velho em 1986; os debates acerca do tombamento do Terreiro no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan); as diversas concepções de cultura e memória presentes no Brasil;
    • 00:47:00 O apoio de diversos grupos sociais no tombamento de artefatos culturais de religiões de matrizes africanas;
    • 00:51:52 O início da carreira docente na Universidade Federal da Bahia (Ufba); a fundação do Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Ufba;
    • 00:53:45 A direção do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac) e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb); o debate sobre a nomenclatura de patrimônios imateriais; reflexões sobre as ações do governo Jair Bolsonaro;
    • 01:03:55 O processo de ressurgências étnicas e de uma consciência identitária pan-indígena; a defesa dos movimentos indígenas e ambientalistas;
    • 01:12:45 O doutorado na Universidade de São Paulo (USP); a pesquisa sobre a mítica de Édipo e a temporada no Centre Louis Gernet; o contato com helenistas e a imersão em projetos voltados ao helenismo;
    • 01:18:32 A diversidade de temas de pesquisa do entrevistado;
    • 01:21:05 A fundação do Koinonia: Presença Ecumênica e Serviço; reflexões sobre a perseguição às religiões de matriz africana em crescimento no Brasil;
    • 01:27:01 Leituras que marcaram a trajetória do entrevistado; os atuais escritos do entrevistado.

     

     

     

     

     

     

        

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

       

     

     

    •  
    © Todos os direitos reservados à FGV.

 

 

Aviso importante:
Transcrições de entrevistas estão sempre sujeitas a erros. Elas são aqui disponibilizadas apenas com o intuito de facilitar a pesquisa, não devendo substituir a consulta ao documento audiovisual. Caso você perceba algum erro, por favor avise-nos através do Fale Conosco ou da ferramenta Colabore, disponível no sistema de acervo do CPDOC (é preciso estar registrado para utilizar esta ferramenta).