Maria Arminda Arruda

Todas as entrevistas  

Maria Arminda Arruda nasceu em Tombos, Minas Gerais. Bacharelou-se em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (USP) em 1970, mesma instituição onde obteve o título de Mestre (1978) e Doutor (1986) em Sociologia. Em 2005, tornou-se Professora Titular da USP. Publicou diversos trabalhos na área de Sociologia da Cultura. Sua tese de doutorado deu origem ao livro A Embalagem do Sistema. A Publicidade no Capitalismo Brasileiro, reeditado em 2004.

  • Minutagem

    • 00:00:33 Origens.
    • 00:32:35 Formação pré-escolar e primário.
    • 00:35:49 O conforto na fazenda paterna em Minas Gerais.
    • 00:38:22 O dinamismo da economia do café.
    • 00:43:38 A política dentro da família.
    • 00:45:01 A crise financeira na família e a mudança para o Rio de Janeiro.
    • 00:48:29 As raízes paternas no Rio de Janeiro.
    • 00:53:36 A divisão da família para poder se sustentarem ante as dificuldades financeiras do pai.
    • 00:55:14 Ida para São Paulo.
    • 01:04:07 Movimento estudantil.
    • 01:06:15 Os problemas na Universidade de São Paulo (USP) com as cassações de professores.
    • 01:07:17 Lembrança dos professores que marcaram sua formação.
    • 01:21:48 A influencia exercida pela obra de Florestan Fernandes
    • 01:28:50 Mestrado.
    • 01:29:51 A dinâmica publicitária do regime militar e a critica de uma grande intelectualidade crescente.
    • 01:37:44 A orientação do Professor Azis Simão.
    • 01:44:12 O quase abandono do doutoramento.
    • 01:46:32 “Mitologia da Mineiridade”.
    • 01:49:08 A valorização da relação familiar.
    • 01:50:43 A consciência de dever ao escrever o livro.
    • 01:56:07 Profissionalização.
    • 02:10:29 “Metrópole e Cultura”.
    • 02:21:12 A Universidade de São Paulo.
    • 02:29:45 A Sociologia como formadora da própria vida pessoal como um todo.
    • 02:31:17 A literatura mais marcante da formação.
    • 02:41:45 Análise e expectativas de produção intelectual.
    • 02:47:38 Ciências Sociais em Portugal.
    • 02:50:53 A leitura recente de autores africanos.
    © Todos os direitos reservados à FGV.

 

 

Aviso importante:
Transcrições de entrevistas estão sempre sujeitas a erros. Elas são aqui disponibilizadas apenas com o intuito de facilitar a pesquisa, não devendo substituir a consulta ao documento audiovisual. Caso você perceba algum erro, por favor avise-nos através do Fale Conosco ou da ferramenta Colabore, disponível no sistema de acervo do CPDOC (é preciso estar registrado para utilizar esta ferramenta).