A- A+

Accessus - Documentos de Arquivos Pessoais

POLÍTICA DE ACERVO DA ESCOLA DE CIÊNCIAS SOCIAIS DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS

 

Programa de Arquivos Pessoais (PAP): Linha de Acervo

O Programa de Arquivos Pessoais (PAP) tem por objetivo captar, organizar, preservar e divulgar o acervo de arquivos privados doados ao CPDOC desde a sua criação, em 1973. O acervo é constituído, de maneira geral, por arquivos pessoais de homens e mulheres com destacada atuação na vida pública brasileira contemporânea.

Ao longo de sua trajetória, o CPDOC desenvolveu metodologia de tratamento e políticas de acesso pioneiras para esse tipo de acervo, que, em 2015, conta com cerca de duzentos fundos documentais.

 

Importância da Definição de Linha de Acervo

  1. Para direcionar os esforços de captação de arquivos em torno de objetivos coerentes com o perfil, a identidade e a missão da instituição.
  2. Para que a instituição seja reconhecida como referência em determinada área e/ou período histórico, tanto por pesquisadores como por instituições congêneres.
  3. Para estimular a cooperação entre instituições arquivísticas nacionais, e evitar a dispersão de fundos documentais com potencial complementaridade informacional em distintas instituições.

 

Diretrizes para o Recebimento de Arquivos

O CPDOC recebe conjuntos arquivísticos pessoais por meio de instrumento legal, resultando na doação definitiva à Fundação Getúlio Vargas, que, por este ato, incorpora à sua exclusiva propriedade a totalidade do acervo do titular. Os doadores de arquivos integram o Conselho de Doadores, ligado ao Programa de Arquivos Pessoais.

É prerrogativa da Coordenação de Documentação, em conjunto com a Coordenação do Programa de Arquivos Pessoais, avaliar o conteúdo e o estado de conservação dos acervos candidatos à doação, verificando sua consonância com a linha de acervo definida neste documento. Os profissionais responsáveis pela avaliação, caso o acervo seja aceito, devem registrar informações acerca da história arquivística do acervo.

É altamente recomendável que os arquivos sejam doados em uma única remessa, e que esta contemple a totalidade dos documentos produzidos e/ou acumulados pela entidade produtora. A fragmentação de fundos documentais de natureza arquivística compromete sua organicidade e inteligibilidade.

POLÍTICA DE ACERVO DA ESCOLA DE CIÊNCIAS SOCIAIS DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
RIO: Praia de Botafogo, 190, 14º andar, Rio de Janeiro - RJ - 22250-145 • Tels. (21) 3799.5676
SÃO PAULO: Avenida Paulista, 1471, 1º andar, Bela Vista - São Paulo - 01311-200 • Tel: (11) 3799 -3755
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2017. Todos os direitos reservados • Usando: Drupal! • Use versões recentes do IE, Firefox, Chrome, Opera
Lista de URLs do CPDOC Busca: http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/page-sitemap

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede

randomness