A- A+

A Era Vargas: dos anos 20 a 1945

Anos de Incerteza (1930 - 1937) > Política de boa vizinhança

Política de boa vizinhança

Implementada durante os governos de Franklin Delano Roosevelt nos Estados Unidos (1933 a 1945), a chamada política de boa vizinhança tornou-se a estratégia de relacionamento com a América Latina no período. Sua principal característica foi o abandono da prática intervencionista que prevalecera nas relações dos Estados Unidos com a América Latina desde o final do século XIX. A partir de então, adotou-se a negociação diplomática e a colaboração econômica e militar com o objetivo de impedir a influência européia na região, manter a estabilidade política no continente e assegurar a liderança norte-americana no hemisfério ocidental.

Essa alteração respondia a interesses tanto político-estratégicos quanto econômicos de Washington.
No terreno político-estratégico, permitia aos Estados Unidos fazerem frente à competição internacional do nascente sistema de poder alemão, assegurando um relacionamento cooperativo com as nações latino-americanas com vistas à formulação de planos globais de defesa hemisférica.

Já no plano econômico, a política de boa vizinhança convinha aos esforços dos Estados Unidos para se recuperar dos efeitos da crise de 1929 sobre sua economia. A retórica da solidariedade e os métodos cooperativos no relacionamento com os países latino-americanos facilitavam a formação de mercados externos para os produtos e investimentos norte-americanos, além de garantir o suprimento de matérias-primas para suas indústrias. A implantação dessa nova estratégia de relacionamento com a América Latina representou a vitória da corrente política do governo norte-americano que advogava o livre-cambismo como solução para a recuperação econômica dos Estados Unidos no plano internacional.

O desaparecimento das condições que geraram a política de boa vizinhança nos anos 30 - depressão econômica, liderança pessoal de Roosevelt, competição latente entre Estados Unidos e Alemanha etc. - e o surgimento de um nova ordem internacional, com os Estados Unidos na posição de líder absoluto do hemisfério ocidental, levaram o governo norte-americano a adotar uma política que priorizava a reconstrução econômica européia e a contenção da União Soviética.

  Twitter Facebook Youtube Flickr Moodle      Mais   

Franklin Delano Roosevelt (à direita, sentado), 1936. Rio de Janeiro (RJ). (CPDOC/ GV foto 035/2)

Eurico Gaspar Dutra (à esquerda), ministro da Guerra, 1936/1945. S.l. (CPDOC/ AGM foto 004)

Eurico Gaspar Dutra (à esquerda), ministro da Guerra, e Oswaldo Aranha, 1942. Rio de Janeiro (RJ). (CPDOC/ OA foto 256/24)

   

 

CPDOC | FGV • Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil
RIO: Praia de Botafogo, 190, 14º andar, Rio de Janeiro - RJ - 22253-900 • Tels. (21) 3799.5676 / 3799.5677
SÃO PAULO: Avenida Paulista, 1471, 1º andar, Bela Vista - São Paulo - 01311-200 • Tel: (11) 3799 -3755
© Copyright Fundação Getulio Vargas 2012. Todos os direitos reservados • Usando: Drupal! • MELHOR SE VISUALIZADO EM 1024 X 768 • Use versões recentes do IE, Firefox, Chrome, Opera